Central de atendimento ao cliente: Rio de Janeiro: 0800 722 0036 | Demais localidades: 3004 5080

Compartilhando o morar: coliving é tendência urbana

Compartilhando o morar: coliving é tendência urbana

Tem muita gente que hoje se pergunta se vale a pena comprar ou alugar uma casa ou apartamento particular, considerando os custos e despesas do dia a dia. O coliving segue como uma tendência entre as alternativas para quem pensa em morar em um local que estimule a socialização, a integração entre pessoas, considerando a sustentabilidade e a viabilidade financeira.

Trata-se de um modelos que nem é tão novo – afinal, o conceito vem lá dos anos 1970, da Dinamarca –, mas tem ganhado força com as novas gerações e os desafios que as acompanham, como a falta de espaços de qualidade nas grandes cidades e os ideais de vida colaborativa em sociedade.

O que é coliving – e porque ele pode ser legal pra você

É normal, em um primeiro momento, associar coliving a outros conceitos de moradia compartilhada, como repúblicas de estudantes, pousadas urbanas e outras iniciativas de hospedagem temporária em conjunto (como hostel), mas, na prática, é diferente, a começar pelos princípios expressos no “manifesto coliving”, criado pela coliving.com: manter o senso de comunidade em harmonia com a individualidade, aproximar as pessoas e trocar experiências, compartilhar os recursos ao invés de ser levado pelo consumismo e dividir igualmente o poder de decisão e as tarefas diárias, entre outros tópicos, baseiam a convivência dentro de um coliving.

Os mais jovens são o público alvo desse estilo de moradia, pois essa parcela da sociedade está relativamente mais aberta a novas experiências e desafios, mas todo tipo de pessoa capaz de considerar uma vivência compartilhada se sentirá bem-vinda e à vontade em um coliving. Com as mudanças no mercado de trabalho e após os impactos da pandemia do novo coronavirus, a tendência é que não apenas as moradias, mas também os locais onde as pessoas exercem suas profissões serão compartilhadas – os espaços de coworking, que já eram uma realidade até mesmo no Brasil, tem tudo para seguir avançando nos próximos anos.

E você, o que acha desse velho/novo modelo de moradia compartilhada? Conte para gente nos comentários e não esqueça de visitar a www.camicado.com.br para ficar por dentro das tendências em produtos de casa e decoração!

Posts relacionados

Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades por e-mail.

voltar para o topo